L-Triptofano 250mg 120 Cápsulas

O aminoácido L-Triptofano é precursor da serotonina, pertence à classe dos aminoácidos essenciais, obtido pela alimentação ou suplementação. A serotonina está presente no sistema nervoso central, e atua como neurotransmissor envolvido no controle do apetite, sono e humor.

R$ 55,00

5 em estoque

COD - 1216 Categoria

Descrição

O L-Triptofano é um aminoácido essencial para dieta humana, é um precursor da serotonina e devido a isso considera-se que a carência de serotonina no SNC pode estar ligada a depressão, e assim o L-Triptofano pode ser empregado em seu tratamento como coadjuvante. Também o L-triptofano é o substrato para a síntese de serotonina, importante neurotransmissor modulador do comportamento alimentar.

Informação adicional

Peso0.05 kg
Dimensões16 × 11 × 6 cm

Informações Importantes

Benefícios

Tratamento da depressão. Ansiedade e estresse. Redução da ingestão alimentar (vontade de comer doces). Estabiliza o humor. Melhora no sono. Ajuda controlar os sintomas da TPM.

Modo de usar

Tomar 2 cápsulas antes do almoço e 2 cápsulas antes do lanche da tarde ou jantar

Formulação

L-Triptofano – 500Mg

Advertências

1. Nunca compre medicamento sem orientação de um profissional habilitado. 2. Imagens meramente ilustrativas. 3. Pessoas com hipersensibilidade à substância não devem ingerir o produto. 4. Em caso de hipersensibilidade ao produto, recomenda- se descontinuar o uso e consultar o médico. 5. Não use o medicamento com o prazo de validade vencido. 6. Manter em temperatura ambiente (15 a 30ºC). Proteger da luz, do calor e da umidade. Nestas condições, o medicamento se manterá próprio para o consumo, respeitando o prazo de validade indicado na embalagem. 7. Todo medicamento deve ser mantido fora do alcance das crianças. 8. Este medicamento não deve ser utilizado por menores de 18 anos sem orientação médica. 9. Este medicamento não deverá ser partido ou mastigado. 10. Siga corretamente o modo de usar. Não desaparecendo os sintomas, procure orientação médica. 11. “SE PERSISTIREM OS SINTOMAS, O MÉDICO DEVERÁ SER CONSULTADO”