Picolinato de Cromo (100mcg) 30 Cápsulas

Nutraceutico de cromo que ajuda a prevenir e controlar o diabetes, ao melhorar o metabolismo dos carboidratos, reduzir a glicose no sangue e equilibrar a liberação da insulina.

R$ 45,00

5 em estoque

COD - 99989 Categoria

Descrição

O Picolinato de Cromo é uma forma de suplementação de cromo, mineral fundamental para o metabolismo de carboidratos, o que melhora a tolerância à glicose e equilibra a liberação de insulina, ajudando a prevenir e a controlar o diabetes. O cromo também ajuda a inibir o colesterol, contribuindo para a saúde cardiovascular, e a acelerar a lipose, processo pelo qual o organismo usa a gordura armazenada para transformá-la em energia. Por isso, vem sendo muito indicado para ajudar na definição corporal

Informação adicional

Peso0.05 kg
Dimensões16 × 11 × 6 cm

Informações Importantes

Benefícios

Reduz a glicose no sangue Previne o Diabetes Reduz o colesterol Auxilia na redução de peso Contribui para a saúde cardiovascular Combate os radicais livres Auxilia na definição muscular

Modo de usar

Tomar 1 cápsula antes do almoço e 1 cápsula antes do jantar

Formulação

Picolinato de Cromo 100mcg

Advertências

1. Nunca compre medicamento sem orientação de um profissional habilitado. 2. Imagens meramente ilustrativas. 3. Pessoas com hipersensibilidade à substância não devem ingerir o produto. 4. Em caso de hipersensibilidade ao produto, recomenda- se descontinuar o uso e consultar o médico. 5. Não use o medicamento com o prazo de validade vencido. 6. Manter em temperatura ambiente (15 a 30ºC). Proteger da luz, do calor e da umidade. Nestas condições, o medicamento se manterá próprio para o consumo, respeitando o prazo de validade indicado na embalagem. 7. Todo medicamento deve ser mantido fora do alcance das crianças. 8. Este medicamento não deve ser utilizado por menores de 18 anos sem orientação médica. 9. Este medicamento não deverá ser partido ou mastigado. 10. Siga corretamente o modo de usar. Não desaparecendo os sintomas, procure orientação médica. 11. “SE PERSISTIREM OS SINTOMAS, O MÉDICO DEVERÁ SER CONSULTADO”