Saw Palmeto (150mg) 30 Cápsulas

Extrato vegetal que inibe e trata os sintomas do crescimento da próstata, aumenta os níveis de testosterona, melhorando o desempenho e o desejo sexual.

R$ 45,00

5 em estoque

COD - 40799 Categoria

Descrição

O extrato dos frutos da pequena palmeira americana SawPalmetto atua na redução do crescimento do número células na próstata, evitando o aumento do volume da próstata, aliviando os sintomas dessa alteração, chamada de hiperplasia benigna da próstata (HBP), como vontade constante de urinar, principalmente durante a noite e sensação de esvaziamento incompleto da bexiga. Seus ativos também ajudam a manter normais os níveis de testosterona, o que ajuda a aumentar a massa muscular, a reduzir a queda de cabelo, a melhorar a função sexual, sendo utilizado também como afrodisíaco.

Informação adicional

Peso0.05 kg
Dimensões16 × 11 × 6 cm

Informações Importantes

Benefícios

Inibe o crescimento da próstata Aumenta a produção de testosterona Melhora a função e o desejo sexual Alivia os sintomas da próstata aumentada

Modo de usar

Tomar duas cápsulas ao dia.

Formulação

Saw Palmeto 150mg,

Advertências

1. Nunca compre medicamento sem orientação de um profissional habilitado. 2. Imagens meramente ilustrativas. 3. Pessoas com hipersensibilidade à substância não devem ingerir o produto. 4. Em caso de hipersensibilidade ao produto, recomenda- se descontinuar o uso e consultar o médico. 5. Não use o medicamento com o prazo de validade vencido. 6. Manter em temperatura ambiente (15 a 30ºC). Proteger da luz, do calor e da umidade. Nestas condições, o medicamento se manterá próprio para o consumo, respeitando o prazo de validade indicado na embalagem. 7. Todo medicamento deve ser mantido fora do alcance das crianças. 8. Este medicamento não deve ser utilizado por menores de 18 anos sem orientação médica. 9. Este medicamento não deverá ser partido ou mastigado. 10. Siga corretamente o modo de usar. Não desaparecendo os sintomas, procure orientação médica. 11. “SE PERSISTIREM OS SINTOMAS, O MÉDICO DEVERÁ SER CONSULTADO”